Cultura Maori Desenho e Significados

Maori - Significado dos Elementos

Círculos em Aspirais: São os círculos de vida que inclui o percurso da vida em curso, sem começo e sem fim pode representar o passado e presente também quando colocado de forma a reverenciar os antepassados.

Rabo de Baleia: Outro símbolo de proteção, força, sensibilidade. Demonstra empatia para questões conservadoras.

Anzol ou Hei Matau: Proteção,  Abundância, Prosperidade onde estiver necessidades não terá.

Mascaras ou Tiki: Os Tikis possuem uma diferença entre um e outro e tem a seguinte variação:

Tiki-tohua, Deus criador das Aves.

Tiki-kapakapa, Deus progenitor dos peixes e de um pássaro, o Tui.

Tiki-auaha, Deus dos Homens.

Tiki-whakaeaea, ou Deus dos alimentos plantados colhidos na terra.

Gecko ou Lagarto: são seres cultuados pelos Maoris, quando os Maoris não tinham contato com o Homem moderno, não tinham relação com outras pessoas se não as que habitavam o seu território, não sofriam de moléstias transmissíveis, a não ser as transmitidas por insetos, desta maneira os Maoris criavam em suas casas diversos lagartos que se alimentavam de insetos e desta maneira conseguiam reduzir a população destes insetos que os infectavam, por sua facilidade de procriação eram tidos como símbolo de fertilidade também. O Geckos eram considerados também como seres que tinham a capacidade de inspecionar o futuro e nos proteger no presente.

Tohunga: Tatuador pessoa com perícia em executar as tatuagens, pessoa qualificada, tida como expert, sacerdote, uma pessoa escolhida para atuar na tribo como um líder em um campo particular devido à seu talento e vocação específica na arte, atuavam como padres eram conhecidos como “Tohunga Ahurewa”. Eles também davam conselhos sobre as atividades econômicas, eram especialistas em afastar ou evocar os feitiços do mau. Enfim eram pessoas importantes dentro das tribos, respeitados e com poder sobre o destino das pessoas, esse ultimo não mudou muito até hoje “Poder sobre o Destino” pois se você escolher um tatuador que faça uma merda em você, seu destino terá a marca desse Tohunga para eternidade.

Moko: Maori Tatuagem sobre o rosto , eram feitas em pessoas de alto grau dentro do clã, determinava a condição que o individuo ocupava, sua origem, sua familia, e seu status para os demais povos funcionava como uma assinatura.

Kiri ou Kirituhi: Tatuagem não relacionada com a cultura Maori tatuagens sem significados sem aspectos culturais relacionadosem 90% das tatuagens que são feitas sem o conhecimento sobre o significado e na criação do desenho são chamadas pelos Nativos de "KIRI" são lindas e maravilhosas mas não tem ligação alguma com a cultura Maori.

Ponta de Seta: As pontas de seta são as armas dos guerreiros serviam para mostrar que aquele individuo era um guerreiro, pois o clã se dividia em grupos, guerreiros, pescadores, agricultores e outros mais.

Tiki Mana: Tiki é um Deus, que na maioria das vezes é retratado com os olhos fechados lábios proeminentes e imagem serena são os protetores da familia, do ser como um todo nos guiam e nos protegem no cotidiano.

Conchas: Conchas representam a riqueza da cultura polinésia, muito provavelmente porque foram utilizadas como um tipo de moeda.

Dentes de Tubarões: "Dentes": proteção contra o inimigo, modo de expressar ferocidade tipo "Não Mexam comigo".

Tubarões:
"Por inteiro, Corpo" Tubarões eram animais sagrados. Poderosos, Respeitados  e eram usadas como uma forma de proteção contra o inimigo representa também adaptabilidade ou seja "Onde estiver não serei a presa e sim o predador" pelo fato do Tubarãop estar no topo da cadeia alimentar, por serem agíeis e exigmios caçadores.

Tartarugas:
Tartarugas simbolizavam familia e um apelo a vida longa serenidade e longevidade e resistência.

Mango Pare: Cabeça de Tubarão padrão, usado para expressar a força, determinação e espírito guerreiro.

Koru: Koru ou broto de samambaia, são representados em forma de aspiral, em formato fetal, eles representam o começo de tudo, o inicio de uma nova vida ou de uma nova faze, eles são reverenciados por serem plantas que crescem no menor espaço possível entre as bifurcações de galhos com pouquíssimo suprimento para subsistir, eram uma metáfora para vida, pois conseguiam alcançar mais de 10 metros de comprimento ocupando um espaço mínimo

Ngaru: Uma espécie de ondas, muito utilizadas nas composições de desenhos Maori, Ngaru são as imagens formadas pela água quando as canoas estavam em movimento, são um tipo de rastro que se formavam sempre da mesma maneira, assim sendo passara a ter a conotação de continuidade, permanência ou seja quem as possuía queria transparecer a imagem de pessoa imutável, constante, centrada de palavra.

Manaia: Uma espécime de Homem, Pássaro e Peixe, representam os três elementos que os Maoris tanto cultuavam e tinha uma grande importância em suas vidas, essa figura mista é enfatizada por um braço com três dedos onde muitas vezes eram representados somente por esses 3 dedos, são considerados anjos guardiões, nos guardam contra os males vindos do Ar, Terra e Água, nos guardam na contemporaneidade sobre os males da natureza, contra acidentes ou atentados.

Hei Matau: Hei Matau ou anzol são símbolos de abundância, já que esse artefato garantiam a farta alimentação para eles, quem possuía um Hei Matau conseguiria sobreviver em qualquer local.

Sol: O sol representa alegria, felicidade e prosperidade, eram vastamente utilizado nas confecções dos desenhos e dificilmente ficavam de fora, sem falar no aspecto estético que é de grande apelo.

Vento: O vento serviam para mostrar que as dificuldades eram superadas vindas de qualquer local, o vento eram tatuados em forma de traços que se encontravam mostrando  que essas dificuldades vinha de todas as forma e sentidos e por eles eram superados, acredita-se que essa relação era devido a diversos furacões que esses povos sofreram ao longo se sua vida, era um símbolo de superação.

Folhas de Sambais Abertas Adultas: As folhas abertas da samambaia são usadas na tatuagem como um símbolo para quem as possua não se perca nos caminhos da vida, algo como “Livrai-nos das tentações” pelo fato dessas folhas serem usadas para demarcar um caminho de volta quando eles saiam pelas matas, elas eram espetadas de cabeça para baixo e pela baixa luminosidade do mata suas folhas em contato com a pouca luminosidade ainda mais com luminosidade do Luar possuíam um brilho prateado e mostravam o caminho a seguir no retorno de onde vieram.


Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro